Maradona nega ter pedido desculpas por gol feito com a mão

sábado, 2 de fevereiro de 2008 14:21 BRST
 

BUENOS AIRES (Reuters) - O ex-jogador de futebol argentino Diego Maradona negou no sábado ter pedido desculpas por um gol marcado com a mão contra a Inglaterra, na Copa do Mundo do México, em 1986, garantindo que o que ocorreu foi apenas um erro de tradução.

Na quinta-feira passada, o jornal britânico The Sun publicou uma entrevista com o ex-capitão da seleção argentina na qual Maradona pedia perdão pelo gol.

"Na verdade, o que eu disse foi que havia se passado muito tempo desde então e que a história não volta atrás. Vou conversar com o tradutor que estava presente (...) e pedirei explicações", disse Maradona a uma rádio.

A entrevista com o The Sun despertou muitas críticas entre os torcedores argentinos, que consideram o gol convertido com a mão parte da "catimba" geralmente atribuída aos jogadores do país e não precisava ser perdoado.

Após marcar o polêmico gol, Maradona surpreendeu o mundo deixando para trás metade da equipe inglesa para mandar novamente a bola para o fundo da rede, proporcionando ao time argentino uma vitória por 2 x 1.

Naquele ano, a seleção argentina venceu a Copa do Mundo com uma atuação brilhante de Maradona.

(Por César Illiano)