Ronaldinho só deixará Barcelona se clube quiser, diz agente

quarta-feira, 5 de dezembro de 2007 15:03 BRST
 

MADRI (Reuters) - Ronaldinho Gaúcho só deixará o Barcelona se o clube espanhol quiser se desfazer dele, disse o irmão e empresário do meia da seleção brasileira, Roberto Assis, segundo a imprensa espanhola nesta quarta-feira.

"Meu irmão quer cumprir seu contrato (que termina em 30 de junho de 2010) e só vai sair no dia em que o clube decidir que não quer mais ele", afirmou Assis.

"O que tiver que falar, falará com o clube. Ele tem um carinho muito grande por todos, é um clube onde ele viveu grandes momentos. Ele está muito contente, mas a cada quarta-feira e domingo a história muda, e o futebol é assim", acrescentou, de acordo com o site do jornal Sport.

Ronaldinho Gaúcho, de 27 anos, foi colocado no banco de reservas da equipe catalã pelo técnico Frank Rijkaard após um início de temporada abaixo das expectativas. Há grandes rumores na Espanha que ele poderá deixar a equipe.

O jornal espanhol Marca publicou nesta quarta-feira uma informação de que o Chelsea teria oferecido um contrato de 10 milhões de euros por temporada ao brasileiro.

"Eu não posso receber ofertas, isso é com o Barcelona. Eu não falei com ninguém", afirmou Assis.

"Para mim essa informação é uma surpresa, porque não falei com ninguém. Ele (Ronaldinho) está muito tranquilo e, como profissional, está acostumado com essas coisas."