Festa animada marca chegada dos atletas da Jamaica

quarta-feira, 6 de agosto de 2008 01:55 BRT
 

Por Mitch Phillips

PEQUIM (Reuters) - Usain Bolt improvisando Bob Marley, Maurice Smith desfilando na passarela e Shevon Stoddard vestindo um modelo para as pistas que poderia levá-la para a prisão caso se aventurasse com ele pelas ruas. Bem-vindo à preparação olímpica no estilo da Jamaica.

Enquanto a maioria das equipes se isola para uma preparação focada, o time de atletismo da Jamaica comemorava, na noite desta terça-feira, o dia da independência de seu país.

Aproveitando a noite em um clube de jazz de Pequim, os jamaicanos brilharam em seus uniformes amarelo-sol, felizes ao posar para fotos com os fãs.

A noite começou morna, com demonstração de dança típica, mas pegou fogo quando as cinco protagonistas da dança folclórica tiraram suas máscaras e vestimentas tradicionais de seda, para revelar roupas grudadas no corpo. Então, começaram a dançar no estilo pole-dancing, para deleite dos jamaicanos.

Se a dança das meninas agitou os corações, o que levou a noite para um outro nível foi a entrada na passarela de Stoddard, do salto em distância e corrida com barreiras, usando seu novo traje de uma peça.

O decatleta Smith deu seu show para as garotas, juntando-se à agitação com poses típicas do fisiculturismo, mostrando sua impressionante forma física. Isso foi antes de Bolt tomar o centro do palco.

Detentor do recorde mundial dos 100 metros, ele passou parte de seu primeiro dia em Pequim em compromissos com a imprensa. Mas o atlela de 21 anos não ia perder a festa.

Assim como seus parceiros de dança, apareceu com seu rosto detalhadamente pintado com as cores da bandeira de seu país e se foi para a pista de dança, destacando-se do público local com seu 1m96 de altura.