August 6, 2008 / 11:06 AM / 9 years ago

Futebol feminino abre campanha do Brasil com 0x0 contra Alemanha

4 Min, DE LEITURA

<p>Simone Laudehr, da Alemanha, e Rosana, do Brasil, durante o primeiro jogo de futebol feminino das Olimp&iacute;adas de Pequim. Photo by Alvin Chan</p>

SHENYANG, China (Reuters) - A primeira participação brasileira nos Jogos Olímpicos de Pequim terminou empatada. A seleção feminina de futebol ficou no 0 x 0 com a campeã mundial Alemanha, nesta quarta-feira, no Estádio Olímpico de Shenyang, em jogo com boas chances perdidas de ambas as partes.

As atuais campeãs e vice da última Copa do Mundo fizeram uma partida equilibrada a dois dias da abertura oficial da Olimpíada, alternando boas chances e com uma bola na trave para cada lado. O jogo foi acompanhado por Ronaldinho Gaúcho e companhia, que estréiam na quinta-feira contra Bélgica e estavam no estádio.

Marta, eleita nos dois últimos anos a melhor jogadora do mundo pela Fifa, foi bem marcada pelas alemãs e desperdiçou uma boa oportunidade no segundo tempo.

No ano passado, Brasil e Alemanha decidiram o Mundial feminino, também disputado na China, e a equipe européia venceu por 2 x 0.

A seleção brasileira iniciou melhor o jogo. Aos 4 minutos, Daniela Alves cobrou falta, a goleira alemã espalmou e Cristiane tentou completar no rebote. As alemãs não gostaram do jeito que a atacante brasileira entrou na jogada e houve um início de bate-boca.

Na primeira boa tentativa de Marta, aos 12 minutos, ela passou pela marcação pela esquerda e cruzou na cabeça de Cristiane, que tocou por cima do travessão.

A Alemanha respondeu com perigo aos 23 minutos, quando Smisek cabeceou, livre, após cruzamento da esquerda. A bola tocou na trave.

Depois disso, as alemãs tomaram controle da partida e dominaram as ações no meio-campo. Aos 41, Prinz entrou na área e chutou cruzado, com a bola passando perto do gol de Andréia.

Na segunda etapa, as chances continuaram se alternando. Formiga teve um chute para fora e a Alemanha tentava chegar em bolas altas.

Foi numa jogada por cima, porém, que as brasileiras tiveram sua melhor chance. Após cobrança de escanteio, aos 17 minutos, Renata Costa cabeceou e a bola explodiu na trave.

Seis minutos depois, o Brasil trocou passes no ataque e a bola sobrou limpa para Marta, que chutou para fora.

A melhor jogadora do mundo ainda teve outras chances, em chute da entrada da área defendido pela goleiro alemã e em uma arrancada que a arqueira saiu nos pés dela, para desespero do técnico brasileiro Jorge Barcellos.

O Brasil atuou com Andréia Suntaque; Simone Jatobá, Andréia Rosa e Tânia Maranhão; Renata Costa, Maycon, Formiga, Daniela Alves e Rosana; Marta e Cristiane (Pretinha).

A próxima partida da seleção feminina acontece no sábado, contra a Coréia do Norte, e o time encerra a primeira fase diante da Nigéria no dia 12.

Os dois melhores times de cada um dos três grupos mais os dois melhores terceiros colocados por índice técnico se classificam para as quartas-de-final.

Texto de Tatiana Ramil

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below