FRASES-"A dor é temporária, o orgulho é para sempre"

quarta-feira, 6 de agosto de 2008 09:02 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - "A dor é temporária, o orgulho é para sempre", afirmou o técnico Bernardinho, citando um ditado que leu em um prédio quando estava a caminho do treino desta quarta-feira do vôlei masculino do Brasil, em Pequim.

"O presente dele vai ter que ser o mesmo da Nicoll, uma medalha de ouro, porque eu não quero ninguém com ciúmes na família", disse Giba, comentando sobre seu próximo filho, Patrick, cujo parto está marcado para 10 de setembro. A filha Nicoll nasceu durante a Olimpíada de Atenas, em 2004, quando o Brasil foi ouro no vôlei masculino.

"Ele está muito chateado. Falei para ele ficar tranquilo", declarou a judoca Érika Miranda, cortada da equipe olímpica por lesão, a respeito do irmão Iuri, que caiu sobre o joelho direito da atleta em um treinamento.

"Realmente vemos como uma corrida de três países, Rússia, Estados Unidos e China, com a China em primeiro lugar", disse o chefe-executivo do Comitê Olímpico dos EUA, Jim Scherr, sobre a briga por medalhas nos Jogos de Pequim.

"...Eu apelo aos clubes: 'deixem seus jogadores participarem dos Jogos Olímpicos!"', afirmou Joseph Blatter, presidente da Fifa, após a Corte Arbitral do Esporte ter permitido a Schalke 04, Werder Bremen e Barcelona vetar a participação de Rafinha, Diego e Lionel Messi nos Jogos.   Continuação...