Temores do Real se confirmam com eliminação européia

quinta-feira, 6 de março de 2008 15:58 BRT
 

Por Simon Baskett

MADRI (Reuters) - O maior medo do Real Madrid se tornou realidade na quarta-feira, quando a equipe espanhola deu adeus à Liga dos Campeões nas oitavas-de-final pela quarta temporada consecutiva.

O time nove vezes campeão europeu ficou sem resposta diante de uma ótima exibição da Roma no Santiago Bernabéu. Os italianos venceram por 2 x 1 e completaram a vitória de 4 x 2 no placar somado das partidas, um resultado que causou grande repercussão em uma equipe onde o sucesso é medido por títulos europeus.

"Não tivemos aquela mágica que mostramos outras noites", disse o capitão Raúl, cujo 61o gol na Liga dos Campeões foi em vão.

"É uma grande decepção, uma frustração enorme, porque a Liga dos Campeões era um dos nossos maiores objetivos nesta temporada e agora nós estamos fora", disse.

"Fomos o melhor time no jogo de ida, mas voltamos com um resultado muito perigoso e não conseguimos nos impor contra um adversário que provou ser uma equipe muito boa. Não criamos chances de marcar."

O Real simplesmente não apresentou vontade e qualidade contra a Roma, e apesar da expulsão do zagueiro português Pepe, a derrota revelou fraquezas da equipes.

A ausência do artilheiro Ruud van Nistelrooy por contusão expôs a falta de alternativas da equipe, enquanto o meio-campo mais uma vez ficou devendo em criatividade.

"Nós ficamos devendo intensidade e vontade, talvez porque estávamos preocupados com os contra-ataques dele", disse o zagueiro Fabio Cannavaro. "Não estávamos com vontade e não estávamos recuperando a bola."

Fora da Copa do Rei e da Liga dos Campeões, a única esperança do Real de título na temporada é o Campeonato Espanhol, em que o time continua com vantagem confortável na ponta, mas as recentes atuações sugerem que o time não vive um bom momento.

Fabio Capello foi demitido após conquistar o título espanhol e nada mais. Bernd Schuster agora não tem como fazer melhor do que isso.

 
<p>O atacante do Real Madrid Robinho reage a um lance em partida contra a Roma, em Madri, na quarta-feira. Photo by Susana Vera</p>