Ralf Schumacher descarta Force India e já assume aposentadoria

sexta-feira, 7 de dezembro de 2007 15:05 BRST
 

LONDRES (Reuters) - Ralf Schumacher pode ter dirigido um carro de Fórmula 1 pela última vez em sua carreira, após testes decepcionantes com a Force India na Espanha.

"Não acho que vou conduzir pela Force India", disse o alemão ao site da revista Autosport. "Quero atingir conquistas, e não acho que possa conseguir isso com a Force India."

"Vou para casa agora e veremos", acrescentou o piloto alemão.

Segundo o jornal esportivo alemão Sport Bild, Schumacher afirmou: "É provável que esta seja a última vez que pilotei um carro de Fórmula 1."

Schumacher, irmão mais novo do heptacampeão aposentado Michael, foi o piloto mais lento por uma margem considerável entre os 20 que participaram dos testes de quinta-feira no circuito de Jerez.

Também pilotando pela Force India, o austríaco Christian Klien foi o sétimo mais veloz, e o italiano Giancarlo Fisichella ficou em nono, em testes na quarta-feira.

Uma fonte da equipe disse que Ralf, de 32 anos, sofreu uma falha hidráulica pela manhã e não se sentiu confortável no carro.

Ralf Schumacher, que têm seis vitórias em seu currículo na F1 pela Williams, deixou a Toyota no final da temporada em outubro passado.

(Reportagem de Alan Baldwin)