Após derrota, Safina diz que ficou sem fôlego em Roland Garros

sábado, 7 de junho de 2008 14:44 BRT
 

Por Simon Cambers

PARIS (Reuters) - Dinara Safina disse que simplesmente ficou sem fôlego depois de disputar sua primeira final de um torneio de Grand Slam, na qual foi derrotada por 6-4 e 6-3 pela sérvia segunda cabeça-de-chave Ana Ivanovic, neste sábado.

A russa lutou muito no primeiro set, mas não resistiu no segundo e Ivanovic conquistou seu primeiro título de Grand Slam.

Safina, que derrotou três das dez primeiras colocadas no ranking --Maria Sharapova, Elena Dementieva e Svetlana Kuznetsova-- e salvou match point em duas das três partidas em seu caminho rumo à final, disse que a fadiga foi um fator-chave em sua derrota.

"Eu não tive muito daquele fogo que tinha naqueles jogos", contou Safina aos repórteres. "Eu estava cansada mental e fisicamente".

"Embora eu quisesse, meu coração e corpo não podiam fazer mais nada".

"Se eu estivesse apenas um pouco mais descansada, teria sido diferente, eu gastei muitas horas nas partidas contra Maria e Elena, e recuperações assim sempre exigem muita força física e mental".

Safina saiu de uma desvantagem de 4-1 no primeiro set da final para empatar em 4-4, mas, uma vez que Ivanovic venceu o set, a russa em nenhum momento pareceu que iria se recuperar.

"Contra ela, eu tive de ser realmente agressiva", declarou Safina. "Eu estava perdendo por pouco e, claro, ela estava mais descansada do que eu. O que eu tinha que fazer com ela, ela estava fazendo comigo".

Apesar da derrota, Safina, que deve voltar à sua melhor posição no ranking já alcançada em sua carreira, o nono lugar, quando a lista for divulgada na segunda-feira, disse que agora acredita que pertence aos grandes palcos do esporte.

"Se alguém tivesse me falado antes, depois de ter começado tão mal a temporada, que eu estaria na final de um torneio de Grand Slam, eu diria, 'Deus, você está brincando? Do que você está falando?"', afirmou Safina.