Falta de gols não preocupa técnico do Real Madrid

quarta-feira, 7 de novembro de 2007 11:36 BRST
 

Por Barney Spender

ATENAS (Reuters) - O técnico do Real Madrid, Bernd Schuster, garante que não está preocupado com a recente falta de gols da equipe, após o empate por 0 x 0 com o Olympiakos pelo Grupo C da Liga dos Campeões, na terça-feira.

O Real dominou o jogo, criou 12 chances claras de marcar, mas não conseguiu superar o veterano goleiro Antonis Nikopolidis, que estava em noite inspirada. Quando não foi o goleiro, a trave impediu o gol do Real.

"Estávamos totalmente no controle de um jogo muito difícil. A cada minuto esperávamos que um gol acontecesse, mas nossa posse não se traduziu em gols", disse o treinador alemão a repórteres.

"Não estou preocupado com nossa falta de gols. Tivemos muitas chances, acertamos a trave duas vezes, e o goleiro do Olympiakos fez boas defesas."

O Real, que lidera o grupo com oito pontos, três a mais que Olympiakos e Lazio, foi para a partida desfalcado do zagueiro Christoph Metzelder e do meia Guti, que sofreu uma lesão na derrota por 2 x 0 para o Sevilla no fim de semana.

"Algumas vezes eu senti falta do Guti em campo", admitiu Schuster.

O meia-atacante Wesley Sneijder, entretanto, que foi o melhor jogador do Real em campo, lamentou as oportunidades desperdiçadas.

"Tivemos muitas chances, especialmente no primeiro tempo, e tínhamos que ter marcado pelo menos um gol", disse o holandês.

 
<p>Atacante do Real Madrid Robinho tenta se livrar da marca&ccedil;&atilde;o de Anastasios Pantos, do Olympiakos, durante partida da Liga dos Campe&otilde;es. Photo by John Kolesidis</p>