Mesmo na reserva, Gilberto Silva quer permanecer no Arsenal

quinta-feira, 8 de novembro de 2007 12:20 BRST
 

LONDRES (Reuters) - Apesar de ter perdido a vaga de titular do Arsenal, o volante brasileiro Gilberto Silva afirmou nesta quinta-feira que pretende renovar seu contrato e permanecer no clube inglês.

Gilberto, capitão da seleção brasileira na ausência do zagueiro Lúcio, foi reserva sete vezes e titular apenas uma nas últimas oito partidas da equipe antes do jogo de quarta-feira com o Slavia Praga, pela Liga dos Campeões.

Após ter jogado os 90 minutos em Praga, onde o Arsenal assegurou classificação para as oitavas-de-final da Liga com o empate de 0 x 0, o brasileiro disse ao jornal London Evening Standard desta quinta-feira:

"Não estou pensando em deixar o clube agora. Eu prefiro pensar que tenho capacidade de voltar ao time, mas minha situação não é muito confortável no banco."

O jogador de 31 anos acrescentou que não sabe os planos a longo prazo do técnico Arsene Wenger, mas afirmou que "seria bom se eu renovasse o contrato com o clube e terminasse minha carreira aqui."

"Vamos ver se o clube tem o mesmo pensamento", acrescentou Gilberto Silva, que foi contratado pelo Arsenal junto ao Atlético Mineiro por 9,45 milhões de dólares após a Copa do Mundo de 2002, quando foi campeão com a seleção brasileira.

Gilberto tem mais 18 meses de contrato com o Arsenal, mas foi recentemente citado como alvo de interesse de Juventus e Valencia.