Cerro Porteño é multado pelos incidentes no jogo com Cruzeiro

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008 20:40 BRST
 

ASSUNÇÃO (Reuters) - A Confederação Sul-Americana de Futebol (CSF) multou o Cerro Porteño do Paraguai em 20 mil dólares e o suspendeu por quatro partidas pelos incidentes na partida contra o Cruzeiro na Copa Libertadores da América.

"Já informamos a Associação Paraguaia de Futebol sobre a sanção, que além da multa proíbe o clube de utilizar o estádio Defensores del Chaco por quatro partidas em eventos organizados pela Conmebol", disse à Reuters Francisco Figueredo, secretário-executivo da CSF.

A autoridade máxima do futebol sul-americano confirmou o resultado da partida, disputada quarta-feira em Assunção, na qual o Cruzeiro venceu por 3 x 2 e garantiu sua classificação à fase seguinte do torneio.

O Cruzeiro terá como adversários na Libertadores o San Lorenzo, da Argentina; o Real Potosí, da Bolívia, e o Caracas, da Venezuela.

O árbitro chileno Carlos Chandia suspendeu a partida aos 24 minutos do segundo tempo quando os torcedores furiosos do Cerro Porteño não paravam de atirar pedras e garrafas no campo de jogo.

O Cerro recebeu uma sanção similar há um ano, quando alguns torcedores brigaram com torcedores do Grêmio também em jogo da Libertadores.

(Reportagem de Mariel Cristaldo)