Brasil sofre para bater Coréia do Norte no futebol feminino

sábado, 9 de agosto de 2008 10:47 BRT
 

SHENYANG (Reuters) - A seleção brasileira contou com as falhas da goleira da Coréia do Norte para conseguir, neste sábado, sua primeira vitória na Olimpíada de Pequim: 2 x 1. Com o resultado, o time lidera seu grupo ao lado da Alemanha, com quatro pontos.

No outro jogo do Grupo F, a campeã mundial Alemanha derrotou a Nigéria por 1 x 0.

"Não foi 100 por cento, mas o importante foi a vitória", disse após a partida a meia Daniela Alves, autora do primeiro gol da seleção brasileira.

Com o time masculino na arquibancada do Estádio Olímpico de Shenyang, as brasileiras, vice-campeãs mundiais, tiveram dificuldades na armação de jogadas e criaram pouco.

O técnico Jorge Barcellos fez uma mudança em relação ao time que empatou em 0 x 0 com a Alemanha na estréia: Erika entrou na vaga de Andreia Costa na zaga.

A equipe brasileira não começou bem a partida, mas ganhou um presente aos 15 minutos, quando, após recuo, a goleira norte-coreana dominou errado e Daniela Alves aproveitou para empurrar para as redes.

Oito minutos depois, Cristiane enfiou bola para Marta, que ganhou a dividida com a goleira -- que saiu mal --, girou e chutou no alto para fazer 2 x 0.

No segundo tempo, as norte-coreanas quase diminuíram o placar aos 14 minutos em uma jogada de cabeça que a atacante tocou para fora, após saída em falso da goleira brasileira Andréia Suntaque.

Logo depois, o treinador brasileiro realizou a primeira substituição, trocando Cristiane por Pretinha.   Continuação...

 
<p>Marta comemora gol marcado na vit&oacute;ria do Brasil por 2 x 1 sobre a Cor&eacute;ia do Norte, em Shenyang, neste s&aacute;bado, na Olimp&iacute;ada de Pequim. Photo by Alvin Chan</p>