Judoca João Derly decepciona e sonho de medalha olímpica acaba

domingo, 10 de agosto de 2008 04:33 BRT
 

Por Marcelo Teixeira

PEQUIM (Reuters) - O sonho do judoca João Derly, bicampeão mundial, de conquistar uma medalha nos Jogos Olímpicos de Pequim acabou neste domingo, após a derrota para o português Pedro Dias.

O brasileiro, grande esperança de medalha de ouro para o país em sua primeira participação olímpica, perdeu para o terceiro colocado no Campeonato Europeu de 2008 por wazari, depois de ter levado uma punição logo no início da luta.

Pedro Dias entrou no combate dando prioridade à defesa e adotou essa postura durante toda a luta. Porém foi Derly quem recebeu a punição por falta de combatividade primeiro. Dias só foi punido quando já vencia o confronto.

Contrariado, o judoca brasileiro não quis falar com a imprensa após a derrota, em seu segundo combate na categoria meio-leve (até 66 quilos).

Questionado pela Reuters sobre se achava que as marcações dos árbitros tinham sido injustas, ele não respondeu.

Derly vencera na primeira luta do dia o sul-coreano Joojin Kim e precisava que Dias vencesse sua próxima luta, para então ter chances de tentar bronze na repescagem. Porém, seu algoz perdeu por 2 kokas para o norte-coreano Chol Min Pak e encerrou de vez qualquer esperança do brasileiro.

 
<p>O brasileiro Jo&atilde;o Derly, de branco,  uma das maiores esperan&ccedil;as de medalha do Brasil, perdeu na  disputa de sua segunda luta, em Pequim, para o portugu&ecirc;s Pedro Dias. Photo by Kim Kyung-Hoon</p>