França atropela Brasil no handebol masculino: 34 a 26

domingo, 10 de agosto de 2008 04:58 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A seleção brasileira masculina de handebol não teve chance diante da França, uma das forças do esporte, e foi derrotada por 34 a 26, neste domingo, em sua primeira participação na Olimpíada de Pequim.

Com dois títulos mundiais (a atual campeã é a Alemanha), a França abriu vantagem desde o início e não foi ameaçada em nenhum momento, apesar de os brasileiros terem equilibrado as ações no segundo tempo.

Os franceses Jerome Fernandez e Nikola Karabatic, com 5 gols cada um, foram os artilheiros da partida. Pelo lado brasileiro, três jogadores fizeram 4 gols -- Leonardo Bortolini, Felipe Ribeiro e Guilherme Oliveira.

O capitão brasileiro, Bruno Souza, que já esteve entre os melhores jogadores do mundo, teve uma partida infeliz, anotando apenas 1 gol em 8 arremessos.

O Brasil, que está no Grupo A, volta à quadra na terça-feira para enfrentar a Croácia, que estreou nos Jogos com vitória de 31 a 29 sobre a Espanha, também neste domingo. Polônia e China completam a chave brasileira.

PEQUIM (Reuters) - A seleção brasileira masculina de handebol não teve chance diante da França, uma das forças do esporte, e foi derrotada por 34 a 26, neste domingo, em sua primeira participação na Olimpíada de Pequim.

Com dois títulos mundiais (a atual campeã é a Alemanha), a França abriu vantagem desde o início e não foi ameaçada em nenhum momento, apesar de os brasileiros terem equilibrado as ações no segundo tempo.

Os franceses Jerome Fernandez e Nikola Karabatic, com 5 gols cada um, foram os artilheiros da partida. Pelo lado brasileiro, três jogadores fizeram 4 gols -- Leonardo Bortolini, Felipe Ribeiro e Guilherme Oliveira.

O capitão brasileiro, Bruno Souza, que já esteve entre os melhores jogadores do mundo, teve uma partida infeliz, anotando apenas 1 gol em 8 arremessos.

O Brasil, que está no Grupo A, volta à quadra na terça-feira para enfrentar a Croácia, que estreou nos Jogos com vitória de 31 a 29 sobre a Espanha, também neste domingo. Polônia e China completam a chave brasileira.