11 de Junho de 2008 / às 18:49 / em 9 anos

C. Ronaldo leva Portugal à vitória por 3 x 1 sobre tchecos

<p>C. Ronaldo leva Portugal &agrave; vit&oacute;ria por 3 x 1 sobre tchecos. Cristiano Ronaldo, visto por muitos como o principal candidato a melhor jogador da Eurocopa de 2008, marcou um gol e fez a jogada de outro na vit&oacute;ria de Portugal por 3 x 1 sobre a Rep&uacute;blica Tcheca. 11 de junho. Photo by Denis Balibouse</p>

Por Rex Gowar

GENEBRA (Reuters) - Cristiano Ronaldo, visto por muitos como o principal candidato a melhor jogador da Eurocopa de 2008, marcou um gol e fez a jogada de outro na vitória de Portugal por 3 x 1 sobre a República Tcheca, pelo Grupo A, nesta quarta-feira.

O resultado no Stade de Geneve, em Genebra (Suíça), colocou Portugal no topo do grupo com seis pontos, e muito perto da vaga nas quartas-de-final. Suíça e Turquia, que perderam na estréia, jogam no complemento da rodada.

“É uma sensação muito boa. Nós quase conquistamos nosso primeiro objetivo, que é atingir a próxima fase”, disse Ronaldo, do Manchester United, após a partida.

“Estou muito feliz por ter contribuído com um gol. Nós jogamos bem. Os tchecos jogaram muito bem durante o primeiro tempo. Estava muito difícil entrar na defesa deles”, acrescentou.

“Nós criamos muitas chances e jogamos unidos. Se continuarmos jogando assim, temos boas chances de ir bem neste torneio.”

Com o jogo empatado em 1 x 1, Cristiano Ronaldo marcou aos 18 minutos do segundo tempo em um chute forte depois de um passe do meia Deco. Nos acréscimos da etapa final, Ronaldo deu um gol para Ricardo Quaresma fechar o placar.

“Estou satisfeito com o comprometimento e a dedicação que o time mostrou. Nós precisamos sofrer, mas jogamos bem. Isso mostra que nos preparamos da forma certa”, disse o técnico de Portugal, Luiz Felipe Scolari.

O jogo começou melhor para a seleção portuguesa, que depois da disputa de bola no meio-campo, invadiu a área do goleiro Petr Cech, aos oito minutos. Ronaldo correu para dentro da área e tentou driblar Cech, mas o goleiro do Chelsea impediu o movimento com os pés. A bola então sobrou livre para Deco, que tentou duas vezes e conseguiu marcar.

O gol levou os tchecos a pressionarem a meta portuguesa. Libor Sionko igualou o placar nove minutos depois, marcando de cabeça em uma cobrança de escanteio.

Fortes nas laterais, os tchecos forçaram Cristiano Ronaldo a atacar pelo meio, por onde ele obrigou Cech a uma grande defesa com um chute de fora da área.

No segundo tempo, os tchecos poderiam ter saído na frente logo depois do intervalo, quando Matejovsky cruzou pelo chão para Sionko, mas a bola atravessou o campo sem ser tocada.

O capitão tcheco Tomas Ujfalusi quase marcou de cabeça pouco antes de Cristiano Ronaldo conseguir novamente a vantagem para os portugueses.

O meia-atacante do Manchester fechou a partida deixando Quaresma na frente do gol aberto, e o meia do Porto só teve o trabalho de empurrar a bola para o fundo das redes.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below