Contraprova confirma doping da nadadora Rebeca Gusmão

sexta-feira, 11 de janeiro de 2008 20:40 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (Cbda) foi informada pela Federação Internacional de Natação (Fina) que a contraprova da atleta Rebeca Gusmão deu positivo para a substância proibida testosterona.

A análise da amostra B foi realizada em 18 de dezembro de 2007 no Laboratório INRS-Institute Armand Frappier, no Canadá, disse a Cbda em seu site nesta sexta-feira.

"De acordo com a regra da Fina C 21.5, a entidade internacional informa que o caso foi encaminhado para o seu Painel de Doping para maiores considerações", afirma a nota da entidade brasileira assinada por seu presidente, Coaracy Nunes Filho.

A contraprova da nadadora refere-se ao exame realizado durante os Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, em julho do ano passado.

A defesa da atleta alega que houve erros de procedimento no exame no Rio. Rebeca não comentou o resultado positivo da contraprova, segundo sua assessoria de imprensa.

A brasileira perdeu suas quatro medalhas conquistadas no Pan, sendo duas de ouro, por causa de doping, após decisão da Organização Desportiva Pan-Americana (Odepa).