12 de Agosto de 2008 / às 16:14 / 9 anos atrás

CURTAS-Brasileiro avança no boxe e esgrimista é eliminado

PEQUIM (Reuters) - O peso mosca (até 51 quilos) Robenílson Jesus venceu Anuruddha Bandara Ratnayake, do Sri Lanka, em sua primeira luta na competição de boxe dos Jogos de Pequim e avançou para as oitavas-de-final.

O combate terminou com o placar de 13 a 3 para o brasileiro.

DERROTA ESPERADA

O esgrimista brasileiro Renzo Agresta conseguiu chegar à segunda rodada da competição individual de sabre, mas enfrentar o atual número 2 do mundo e tetracampeão mundial Luigi Tarantino, da Itália, foi demais para ele.

"Ele jogou melhor do que eu. Não considero o resultado ruim, era o que eu esperava: já na segunda, terceira rodada, pegar um cabeça-de-chave"", disse o esgrimista após a eliminação.

ELIMINAÇÃO

O Brasil foi eliminado da disputa da pistola de 50 metros. Medalha de prata nos Jogos Pan-americanos de 2007, Julio Almeida totalizou 554 pontos nas seis sessões de 10 tiros, ficando na 18a colocação, a apenas cinco pontos da 8a posição, que garantiria uma vaga na final dos Jogos.

"Fico chateado por ter chegado pela primeira vez aos Jogos com chances reais de medalha. Quando meu índice caiu na 5a série, senti a pressão e parti com tudo para a sessão final. Talvez devesse usar mais a técnica em vez de simplesmente atirar pelo resultado", disse ele.

Stenio Yamamoto terminou na penúltima posição, em 44o lugar, com 538 pontos.

SEM LENTE

Se astros do cinema usando óculos escuros em danceterias escuras à noite parece ridículo, é muito mais desconcertante quando jogadores de vôlei de praia entram na quadra dos Jogos Olímpicos usando apenas a armação, sem lentes.

"As lentes embaçam por causa da umidade, então não dá para usar óculos sem tirar as lentes", disse o jogador norte-americano Phil Dalhausser.

Vários jogadores de vôlei de praia usam óculos à noite para evitar o clarão dos holofotes ou para proteger os olhos da areia. Mas as armações têm como único objetivo mostrar o patrocinador.

PARA ENCHER ARQUIBANCADA

Os organizadores dos Jogos estão usando centenas de animadoras de torcidas para encher os locais vazios nas arquibancadas de diversas competições apesar de os ingressos para todos os esportes terem esgotado.

Muitas disputas preliminares aconteceram diante de arquibandacadas praticamente vazias e os organizadores, preocupados com as imagens de televisão, convocaram voluntários para resolver o problema, disse o vice-presidente executivo dos Jogos, Wang Wei.

"Também estamos preocupados com isso", disse Wang. "Nos primeiros dias, poucos espectadores apareceram".

Segundo a organização, todos os mais de sete mil ingressos foram vendidos, mas muitas entradas de patrocinadores não foram usadas nas primeiras rodadas de competição.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below