Zhang Yimou teme chuva na cerimônia de abertura em Pequim

quarta-feira, 12 de março de 2008 12:27 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - Zhang Yimou, diretor da cerimônia de abertura da Olimpíada de Pequim, está tendo problemas para encaixar 5 mil anos de cultura chinesa em apenas 50 minutos. Seu maior medo é uma eventual chuva em 8 de agosto.

O maior diretor de cinema da China é responsável pela cerimônia de abertura dos Jogos no Estádio Nacional "Ninho do Pássaro", que será a céu aberto, depois dos planos de construir um teto retrátil foram descartados como medida de contenção de gastos.

Apesar de terem sido traçados planos de contingência para vários tipos de mau tempo, Zhang disse que a chuva no dia da cerimônia seria um pesadelo para ele.

"Chuva é a minha preocupação número um", disse ele em coletiva de imprensa no lado de fora da sessão anual do parlamento chinês.

"Obviamente, estamos torcendo para que Deus nos abençoe e nos dê um bom tempo."

"Se chover, será uma performance de menor categoria", acrescentou ele. "Algumas performances no ar ou a alta tecnologia ou os arranjos mecânicos teriam de ser cancelados por questões de segurança."

Zhang disse também que está tendo problemas para decidir o que manter e o que deixar de lado na esperada cerimônia.

"É absolutamente impossível mostrar a cultura de nossos 5 mil anos de história", disse ele, acrescentando que, devido ao limite de tempo, as idéias tiveram de ser simplificadas para que fossem inteligíveis para os estrangeiros e os jovens. Zhang reiterou que a saída de Steven Spielberg do time artístico da cerimônia, devido à política chinesa no conflito em Darfur, no Sudão, foi "uma pena", mas não afetaria a qualidade da apresentação.

Ensaios secretos com mais de 10 mil artistas já estão acontecendo em diversos lugares do subúrbio de Pequim, disse ele.   Continuação...