Maldini se diz chocado com suspensão do goleiro Dida

sexta-feira, 12 de outubro de 2007 15:48 BRT
 

MILÃO (Reuters) - O capitão do Milan, Paolo Maldini, disse não entender por que a Uefa suspendeu o goleiro Dida por dois jogos, adotando ainda uma punição mais branda para o Celtic, uma multa, pelo incidente na partida entre as equipes pela Liga dos Campeões na semana passada.

Dida foi punido na quinta-feira por simular uma agressão após um torcedor do Celtic invadir o gramado no fim da partida e dar um leve toque no brasileiro, que dramaticamente foi ao chão depois de ameaçar perseguir o intruso.

O comitê disciplinar da federação européia multou o Celtic em 60.000 francos suíços (50.980 dólares), quantia cuja metade ficará suspensa por um período investigatório de dois anos, uma vez que o time não conseguir manter o torcedor fora do campo.

"Eu não entendo a diferença no tratamento", afirmou Maldini ao site do clube (www.acmilan.com) na sexta-feira.

"Há mais de 10 anos eles afastariam as equipes do seu estádio por dois jogos por uma pequena garrafa que acertasse um goleiro."

"Dida cometeu um erro, mas eu não entendo essa disparidade", acrescentou o jogador de 39 anos, que está perto de recuperar a forma após uma cirurgia no joelho.

O Milan informou na quinta-feira que vai apelar da suspensão do goleiro Dida.

(Texto de Mark Meadows)