Técnico quer República Tcheca no ataque por vaga na Euro

quinta-feira, 12 de junho de 2008 13:47 BRT
 

Por Sonia Oxley

SEEFELD, Áustria (Reuters) - A República Tcheca precisa repetir a vibrante atuação do primeiro tempo contra Portugal para conseguir uma vaga nas quartas-de-final da Eurocopa 2008, disse o técnico Karel Brueckner nesta quinta-feira.

Apesar da derrota por 3 x 1 para Portugal na quarta-feira, os tchecos demonstraram maior presença no ataque do que no jogo anterior contra a Suíça, e Brueckner pediu uma repetição dessa postura no jogo decisivo contra a Turquia, em Genebra, no domingo.

"Precisamos jogar como fizemos no primeiro tempo contra Portugal", disse o técnico em entrevista coletiva. "Os jogadores estarão bem preparados."

O meia-atacante Libor Sionko marcou de cabeça o único gol dos tchecos, que empatou o primeiro tempo em 1 x 1, mas a equipe criou muitas oportunidades, ao contrário da atuação apagada na vitória por 1 x 0 sobre a co-anfitriã Suíça na semana passada.

Uma das repostas pode ser a decisão de Brueckner de escalar Milan Baros no lugar do artilheiro Jan Koller.

Apesar de Baros não ter conseguido encerrar sua seca de gols pela seleção que dura desde março de 2007, o artilheiro da Euro 2004 teve muitas chances e ainda criou oportunidades para os companheiros.

Perguntado se poderia jogar com Baros e Koller juntos, o normalmente evasivo Brueckner simplesmente disse: "Nós temos opções."