Ginástica masculina da China volta ao topo com ouro por equipes

terça-feira, 12 de agosto de 2008 03:08 BRT
 

Por Pritha Sarkar

PEQUIM (Reuters) - A ginástica masculina da China voltou ao palco olímpico com uma revanche nesta terça-feira, ao conquistar a medalha de ouro por equipes com uma grande comemoração da torcida local.

Quatro anos depois de os chineses falharem na busca do ouro por equipes em Atenas, o bicampeão mundial geral Yang Wei liderou o grupo para assegurar que uma das mais tradicionais forças da ginástica recuperasse sua proeminência.

Após um início vacilante no solo, a China subiu para o alto da classificação ao fim da quarta rodada e, daí em diante, seguiu rumo à vitória.

Eles marcaram 286,125 pontos, destronando os japoneses campeões de 2004 por 7,250 pontos de diferença. Os americanos ficaram com a medalha de bronze.

Esperava-se que a disputa entre as duas superpotências asiáticas fosse resolvida na barra, tradicionalmente o ponto fraco da China.

Mas os quatro sobreviventes chineses de Atenas -- Yang, Li Xiaopeng, Xiao Qin e Huang Xu -- junto com os estreantes Chen Yibing e Zou Kai destruíram os oponentes com sua performance dominante em todos os seis aparelhos.

O único escorregão foi logo no início, quando Chen foi penalizado por ter saído fora da área de competição no solo. Alemanha, Coréia, Romênia e França completaram o grupo dos oito finalistas.