Autoridades italianas se reúnem por medidas contra violência

segunda-feira, 12 de novembro de 2007 12:32 BRST
 

Por Mark Meadows

MILÃO (Reuters) - Autoridades esportivas italianas se reuniram nesta segunda-feira para debater medidas com o objetivo de combater a violência entre torcedores do país, após um torcedor da Lazio ter sido morto por um policial no domingo.

Torcedores fizeram manifestações em Roma, atacando barreiras policias e invadindo o estádio Olímpico da cidade, deixando muitos danos à sede do Comitê Olímpico Italiano que fica ao lado.

Pelo menos 40 policiais ficaram feridos apenas na capital, disseram autoridades.

Um jogo da primeira divisão entre Atalanta e Milan foi abandonado aos sete minutos porque torcedores tentaram invadir o campo quebrando uma proteção de vidro.

A Itália enfrenta a Escócia em uma partida crucial das eliminatórias da Eurocopa de 2008 no sábado, o que significa que não haverá partidas do Campeonato Italiano no fim de semana.

A ministra de Esportes, Giovanna Melandri, solicitou que as partidas das divisões inferiores sejam suspensas por uma semana.

A polícia informou que a morte de Gabriele Sandri, de 26 anos, foi acidental e que vai se reunir com o governo para esclarecer como o policial cometeu o "erro trágico".

O policial responsável pelo disparo disse que não podia acreditar que havia acertado a vítima enquanto tentava interromper uma briga entre torcedores da Lazio e da Juventus na cidade de Arezzo.   Continuação...