TV sabia que cantora mirim dublou na abertura dos Jogos

quarta-feira, 13 de agosto de 2008 05:11 BRT
 

Por Karolos Grohmann

PEQUIM (Reuters) - A decisão de ter um rostinho bonito dublando durante a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Pequim, ao invés da cantora de verdade, foi tomada após consulta aos responsáveis pela transmissão do evento pela TV, disseram os organizadores.

Lin Miaoke, de nove anos, foi saudada por sua performance, mas ela era, na verdade, um fotogênico doublê para a real cantora, que foi rejeitada por causa de sua aparência, segundos organizadores.

Lin foi celebrada em toda a China como a voz angelical com rosto adorável cantando "Ode à Pátria" na cerimônia de abertura da última sexta-feira.

Mas um diretor do espetáculo, Chen Qigang, disse que Lin dublou a voz de Yang Peiyi, a verdadeira criança cantora.

"A música foi pré-gravada", disse o porta-voz dos Jogos, Sun Weide, aos repórteres. "O diretor artístico tomou essa decisão depois de consulta aos responsáveis pela transmissão pela TV."

"O diretor artístico apenas juntou a melhor voz e a melhor performance", ele disse.

O vice-presidente executivo dos Jogos, Wang Wei, disse que isso foi feito para se atingir o melhor efeito.

"Foi uma decisão conjunta para se chegar ao efeito mais teatral", disse Wang. "Não acho que tenha nada de errado com isso."   Continuação...