August 14, 2008 / 1:18 AM / 9 years ago

Time de basquete espanhol faz anúncio com foto tida com racista

3 Min, DE LEITURA

Por Larry Fine e Sonja Dowsett

NOVA YORK/MADRI (Reuters) - O líder do time espanhol de basquete Pau Gasol pediu desculpas, em nome de seu time, nesta quarta-feira, depois que críticas se espalharam no Jogos de Pequim por conta de um gesto que os atletas campeões do mundo fizeram -- puxar os olhos.

Fotos publicadas mostram o time espanhol usando o uniforme olímpico em uma quadra de basquete marcada com um dragão chinês. Todos os jogadores estavam esticando os olhos com os dedos.

Gasol, que joga no Los Angeles Lakers, disse ao New York Times que, na hora, alguns dos jogadores se sentiram desconfortáveis tirando as fotos para o anúncio do patrocinador Seur, uma empresa de entregas da Espanha. A Seur não estava disponível para comentar o caso.

"Para mim, isso foi uma pequena palhaçada de nossa parte fazer aquilo. O patrocinador insistiu e insistiu. Eles forçaram porque eles que pagam a conta. Foi uma má idéia fazer aquilo. Nunca houve a intenção de ser ofensivo ou racisca contra ninguém", disse o jogador ao site do New York Times.

"Se alguém se sentiu ofendido, nós nos desculpamos totalmente por isso."

Contudo, o NYT disse que o técnico espanhol, Aito Garcia Reneses, não se desculou pela foto e disse que a intenção era fazer uma brincadeira, não ofender ninguém.

O colega de equipe José Calderón disse que o gesto não era racista.

REPROVAÇÃO

"Eu queria dizer que nós temos um grande respeito com o oriente e seus povos. Alguns dos meus melhores amigos em Toronto são de origem chinesa", postou em seu website Calderón, que joga no time canadense da NBA Toronto Raptors.

"Qualquer um que interprete algo diferente das fotos tomou isso de forma completamente errada", completou.

Os jornais espanhóis também rejeitaram a sugestão de que as fotos eram racistas, dizendo que time doou o dinheiro ganho com as fotos para ajudar pobres na África.

Tentar converter um gesto carinhoso de um grupo de esportistas em racismo é repugnante", disse José Luís Martínez, colunista do jornal esportivo espanhol Marca, que publicou a foto em sua coluna.

Mas a condenação em Los Angeles, lar adotivo de Gasol, parece unânime.

"A completa burrice da foto do time espanhol me fez pensar", disse um internauta em um comentário no site do Lakers. "Sendo asiático e vendo isso, contundo, me dá vontade de um murro."

Acusações de racismo já atingiram o esporte espanhol no passado.

Alguns torcedores tiveram como alvo o piloto negro de Fórmula 1, Lewis Hamilton, em Barcelona, em fevereiro, e músicas de cunho racista dirigidas a jogadores de futebol negros têm sido um problema persistente.

Reportagem adicional de Ben Harding, em Madri

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below