Atkins diz que pode surpreender nos 100 metros rasos

quinta-feira, 14 de agosto de 2008 04:27 BRT
 

Por Gene Cherry

PEQUIM (Reuters) - Desprezado, o velocista Derrick Atkins, das Bahamas, disse na quinta-feira que está pronto para aprontar nos 100 metros do atletismo desta Olimpíada. E assim se tornar uma surpresa.

Apesar de vice-campeão mundial, ultimamente Atkins está na sombra de rivais mais em destaque, como Usain Bolt, Asafa Powell e Tyson Gay, que estarão juntos no aquecimento para aquela que é considerada a "prova nobre" do atletismo.

"Você nunca sabe. Eles podem se atrapalhar por algum motivo e nem chegar à final", disse Atkins à adidas.com.

"No ano passado, todo mundo já tinha como certo que eu correria para o bronze", Atkins falou, sobre o Mundial de Osaka. "Ái eu fui lá, fiz o que tinha de fazer, e ganhei a prata."

O recordista mundial Usain Bolt é favorito ao ouro nos 100m do atletismo, que começa na sexta-feira, no Estádio Ninho do Pássaro, com a final dessa prova no sábado.

Seu compatriota jamaicano Asafa Powell, recordista mundial anterior, e o campeão norte-americano Tyson Gay são os mais cotados como seus principais adversários.

Outros inscritos também podem brigar por medalhas, incluindo Darvis Patton e Walter Dix, dos Estados Unidos; Richard Thompson e Marc Burns, de Trinidade e Tobago, mais Atkins. Todos, menos Atkins, já correram abaixo de 10s00 neste ano.

"Este ano não corri no mesmo nível que no ano passado", disse Atkins. "Foi cheio de altos e baixos, como um ioiô. Mas estou tentando voltar aonde eu estava."

Atkins disse que a performance de Bolt este ano, incluindo seu recorde mundial de 9s72, foi fenomenal. "Ele vem fazendo muita coisa", acrescentou, mas na Olimpíada "o ponto mais importante é saber lidar com a pressão e ser raçudo o suficiente."