HERÓI DO DIA-Ginasta chinês Yang consegue glória e redenção

quinta-feira, 14 de agosto de 2008 11:25 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A Olimpíada de Pequim foi o palco perfeito para o ginasta Yang Wei liderar a equipe masculina da China diante de sua torcida e apagar o trauma de Atenas-2004 com a conquista do ouro na prova individual geral.

O chinês musculoso tinha o ouro olímpico em suas mãos há quatro anos, quando o norte-americano Paul Hamm caiu no salto, mas Yang escorregou na barra fixa e voltou para casa sem nenhuma medalha. A decepção fez ele pensar em abandonar o esporte.

Yang, de 28 anos, começou a volta por cima ao liderar a equipe chinesa em Pequim na conquista do título olímpico, na terça-feira, e passou com tranquilidade pelos rivais em todas as rotinas para vencer também o individual geral com convincente vantagem de 2,6 pontos, nesta quinta-feira.

Após a conquista das duas medalhas de ouro, Yang recebeu até autorização do treinador para se casar com a ex-ginasta Yang Yun.

 
<p>Yang Wei, da China, ouve os aplausos do p&uacute;blico ap&oacute;s conquistar a medalha de ouro no individual geral da gin&aacute;stica masculina em Pequim. nesta quinta-feira. Photo by Dylan Martinez</p>