Roger Federer perde na quadra de tênis, mas mantém a classe

quinta-feira, 14 de agosto de 2008 23:46 BRT
 

Por Martyn Herman

PEQUIM (Reuters) - Roger Federer foi magnânimo na derrota, quinta-feira, depois de ver suas esperanças de chegar à medalha de ouro dos Jogos de Pequim extintas pelas mãos do norte-americano James Blake.

O suíço, que vai deixar oficialmente o posto de número um do mundo quando o novo ranking da ATP for divulgado na segunda-feira, perdeu por 6-4 e 7-6 quando seu jogo, normalmente atraente, negou fogo novamente.

Ele nunca havia perdido para Blake nos oito encontros anteriores, cedendo apenas um set em toda essa sequência, mas foi batido na quadra central dos Jogos quando o forehand de Blake incendiou.

"É um grande desapontamento, obviamente", disse o porta-bandeira da Suíça na abertura dos Jogos, pouco depois que sua partida pelas quartas-de-final de duplas, com Stanislas Wawrinka, foi suspensa por causa da chuva.

"A Olimpíada era um dos objetivos da temporada para mim. Obviamente, perder nas quartas não me satisfaz", disse.

"Acho que James jogou bem. Só posso dizer realmente como ele jogou bem. Joguei contra ele em várias ocasiões, mas acho que esta foi a melhor partida que ele fez contra mim."

"Fico feliz por ele. Espero que ele vá até o fim, agora."

Este último revés de Federer, depois das derrotas para o espanhol Rafael Nadal nas finais de Roland Garros e Wimbledon, irá certamente aumentar as fofocas de que seu domínio no tênis masculino nos últimos cinco anos terminou de vez. Com 12 títulos de Grand Slam, ele, que culpa a falta de preparo depois de uma contusão no início da temporada pelo seu fraco desempenho, disse que ainda pode salvar a temporada.   Continuação...