Dúvidas sobre Radcliffe fazem de queniana favorita para maratona

sexta-feira, 15 de agosto de 2008 22:54 BRT
 

Por Balazs Koranyi

PEQUIM (Reuters) - A britânica Paula Radcliffe persiste em sua busca por uma medalha de ouro na maratona feminina, domingo, mas dúvidas sobre sua forma física têm elevado a queniana Catherine Ndereba ao posto de favorita.

Radcliffe, detentora do recorde mundial para a prova, vem de uma fratura por estresse no fêmur e decidiu apenas na semana passada competir na maratona, depois de treinar por poucas semanas para recuperar a forma olímpica.

"Tem sido uma corrida contra o tempo e contra o pesadelo que foi desde que a fratura foi diagnosticada", disse Radcliffe, essa semana.

"Eu prefiro ir para a corrida com boa saúde e um pouco menos preparada, do que na forma que eu estava em 2004, mas não tão saudável e bem para suportar a corrida", disse a atleta.

Sofrendo de dor e exaustão quatro anos atrás, em Atenas, Radcliffe abandonou a maratona depois de chegar a ficar na quarta colocação.

A japonesa Mizuki Noguchi ganhou o ouro em Atenas em uma das mais montanhosas e difíceis maratonas da história, mas, devido a uma série de contusões, não vai defender seu título em Pequim.