15 de Agosto de 2008 / às 08:20 / em 9 anos

Diego só vai definir série do solo para final na última hora

<p>Diego Hyp&oacute;lito vai preparar de &uacute;ltima hora sua s&eacute;rie para o solo na final da gin&aacute;stica art&iacute;stica masculina REUTERS. Photo by Mike Blake</p>

Por Marcelo Teixeira

PEQUIM (Reuters) - A dois dias da final do solo na ginástica artística, o bicampeão mundial Diego Hypólito ainda não definiu com qual série vai para a disputa do ouro olímpico, e talvez essa decisão fique para momentos antes da disputa.

O ginasta, que se classificou em primeiro lugar nas eliminatórias, com a nota de 15.950, está treinando a série mais difícil, com uma pirueta e meia na terceira passada, em vez de meia pirueta, e com a inclusão do salto “Hypólito” (duplo twist carpado). Mas pode simplificar se achar que é mais seguro.

“Tem sempre aquela questão. Ou complica para ganhar, mas corre o risco de ficar sem medalha, ou faz uma série mais limpa e mais segura”, afirmou à Reuters o técnico de Diego, Renato Araújo, nesta quinta-feira.

“Ainda não temos a definição (da série). Estamos na dúvida”, acrescentou Araújo, que assistiu à final do individual geral feminino, nesta sexta-feira, na qual Jade Barbosa ficou em 10o lugar.

Na rodada de classificação, Diego decidiu simplificar a série pouco antes de entrar no tablado, ao ver que outros competidores estavam com notas não tão altas. Optou por uma série mais simples, e cravou as passadas, concluindo os movimentos sem erros.

O técnico afirmou que o ritmo de treinos de Diego está sendo reduzido agora e que o atleta está tendo mais tempo para relaxar antes da competição, na qual tentará conquistar a primeira medalha olímpica da ginástica brasileira.

“Ele está tranquilo, está com a cabeça boa. Aproveita a folga para navegar na Internet, vê algumas competições na televisão e joga no computador. Estamos fazendo só treinos leves agora”.

Por ter se classificado em primeiro, Diego será um dos três primeiros a fazer o exercício.

Também no domingo acontece a final do solo feminino, com participação de Daiane dos Santos, e do salto feminino, com Jade Barbosa. Daiane se classificou em quinto durante as eliminatórias, e Jade ficou com a sétima posição.

Edição de Pedro Fonseca

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below