Nenê passa por retirada de tumor e é dúvida para pré-olímpico

terça-feira, 15 de janeiro de 2008 12:51 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O pivô da seleção brasileira e do Denver Nuggets Nenê Hilário foi submetido a uma cirurgia para retirada de um tumor em um lugar não-revelado, e pode desfalcar o Brasil no torneio pré-olímpico de basquete, em julho.

O jogador, que se licenciou por tempo indeterminado de suas atividades no Nuggets na última semana para ser submetido a tratamento médico, foi operado na cidade norte-americana de Denver na noite de segunda-feira, informou em comunicado a assessoria do atleta nesta terça-feira.

A operação de retirada do tumor foi bem-sucedida, segundo a nota. O local onde estava o tumor não foi informado, a pedido da família de Nenê, e a gravidade da doença só será constatada após a confirmação de resultados de exames, disse por telefone um representante do atleta.

"A partir da retirada do tumor, os médicos vão poder avaliar a extensão do problema", afirmou o assessor de imprensa de Nenê, Samy Vaisman.

Segundo o representante, se o tumor for benigno, Nenê, de 25 anos, tem boas chances de disputar o pré-olímpico de Atenas, em julho, mas no caso de câncer, o tratamento necessário para a recuperação pode inviabilizar a participação dele.

"Dependendo do que for constatado, ele pode ficar fora do pré-olímpico", afirmou.

Segundo o comunicado, a operação foi realizada por decisão da junta médica que cuida dele, e que resultados dos exames conclusivos deverão ser conhecidos até o fim de semana.

A doença de Nenê se tornou um grande mistério desde sexta-feira, quando o jogador foi dispensado de suas atividades no Nuggets para tratar da doença, até então não revelada como sendo um tumor.

Nenê disputou 12 jogos na atual temporada da NBA, com médias de 6,4 pontos e rebotes por partida. Ele defendeu o Brasil no Pré-Olímpico das Américas, em agosto do ano passado, quando a equipe não conseguiu garantir sua vaga nos Jogos de Pequim.

A última chance de classificação do Brasil para os Jogos de Pequim será no pré-olímpico mundial, em Atenas (Grécia), em julho deste ano.

 
<p>O piv&ocirc; da sele&ccedil;&atilde;o brasileira e do Denver Nuggets Nen&ecirc; Hil&aacute;rio (foto de arquivo) foi submetido a uma cirurgia para retirada de um tumor em um lugar n&atilde;o-revelado, e pode desfalcar o Brasil no torneio pr&eacute;-ol&iacute;mpico de basquete, em julho. Photo by Joe Mitchell</p>