Britta leva seu segundo ouro, agora nos 50m livres

domingo, 17 de agosto de 2008 00:51 BRT
 

Por Simon Evans

PEQUIM (Reuters) - Britta Steffen, da Alemanha, ganhou a prova feminina dos 50 metros livre no domingo, para completar sua dobradinha de velocidade, batendo a norte-americana Dara Torres, de 41 anos, por apenas 0s01.

Steffen, que liderou toda a prova, alcançou 24s06 na batida de mão, com 24s07 de Torres, enquanto a australiana Cate Campbell, 25 anos mais nova que a rival, pegava o bronze com 24s17.

Steffen, que é de uma antiga cidade industrial da antiga Alemanha Oriental e mora em um apartamento modesto, já tinha levado o ouro dos 100m livre na sexta-feira.

"Estou muito feliz por ter sido capaz de liderar a prova desde o comecinho. Nos primeiros 20 metros, percebi Dara ao meu lado, mas meu técnico disse que os últimos 10 metros é que iriam definir o resultado."

Torres, que foi prata no revezamento 4x100 livre é a medalhista da natação mais velha em Olimpíadas. Ela soma agora 11 medalhas no total de sua longa carreira.

É a primeira nadadora norte-americana a competir em cinco Olimpíadas e por duas vezes deixou a "aposentadoria" para voltar às piscinas, a mais recente depois do nascimento de sua filha, agora com dois anos.

Campbell, de 16 anos, nasceu em Malawi. Aos 9, mudou-se com a família para a Austrália. Para ela, foi muito bom chegar a uma medalha antes do programado.

"Você não pode comprar experiência. Você tem de ganhar experiência por ela mesma. Fiquei animada por ter conseguido uma medalha individual em minha primeira Olimpíada. Não poderia querer mais que isso."