Argentina só empata e Chile vence na altitude nas eliminatórias

segunda-feira, 16 de junho de 2008 08:12 BRT
 

BUENOS AIRES/LA PAZ (Reuters) - Com um gol nos acréscimos, a Argentina escapou de uma derrota em casa contra o Equador no sábado e viu a vantagem do Paraguai na liderança das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo aumentar para três pontos, enquanto o Chile se igualou à Venezuela na quinta posição ao vencer a Bolívia na altitude de La Paz.

O gol de Palacio aos 49 minutos do segundo tempo evitou que a Argentina tivesse de passar pelo vexame de ser derrotada pelo Equador diante das 50 mil pessoas que compareceram ao Monumental de Nuñez, em Buenos Aires. Patricio Urrutia marcou o gol equatoriano aos 24 da etapa complementar.

No jogo que completou a quinta rodada das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010, que será disputada na África do Sul, o Chile superou a altitude de La Paz e superou a Bolívia por 2 x 0.

Os dois gols chilenos foram marcados por Gary Medel, o primeiro deles de bicicleta aos 29 minutos de jogo. O segundo veio depois de cobrança de escanteio aos 31 minutos do segundo tempo.

Após o fim da primeira rodada, o Paraguai, que bateu o Brasil em casa por 2 x 0, segue liderando as eliminatórias com 13 pontos, três a mais que a vice-líder Argentina.

A Colômbia ocupa a terceira colocação com nove pontos, um a mais que o Brasil, que é seguido de perto por Chile e Venezuela que têm sete pontos cada.

 
<p>Gabriel Heinze, da Argentina, disputa a bola com o goleiro do Equador,  Francisco Cevallos, na partida das eliminat&oacute;rias para a Copa de 2010, em Buenos Aires, 15 de junho de 2008. Photo by Stringer</p>