Tumor retirado de Nenê é benigno, dizem médicos

quinta-feira, 17 de janeiro de 2008 15:40 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O tumor retirado do pivô brasileiro do Denver Nuggets, Nenê Hilário, é benigno, informaram os médicos responsáveis pela cirurgia nos testículos do atleta, citando exames realizados após a operação, informou nesta quinta-feira a assessoria de Nenê.

Após a cirurgia, realizada na segunda-feira na cidade norte-americana de Denver, o jogador de basquete aguardava os resultados do exame para saber se tratava ou não de câncer.

O local da retirada do tumor vinha sendo mantido em sigilo pela família, mas a NBA informou que se tratava de um tumor testicular em nota na terça-feira.

"De acordo com os relatórios apresentados pelos médicos, os exames apontaram que o tumor é benigno", disse a nota divulgada pela assessoria do jogador.

Nenê, jogador da seleção brasileira, se licenciou por tempo indeterminado de suas atividades nos Nuggets na última semana para ser submetido a tratamento médico.

O assessor de imprensa de Nenê, Samy Vaisman, disse por telefone após a operação, na terça-feira, que o jogador teria boas chances de defender o Brasil no pré-olímpico de basquete, em julho, caso o tumor fosse benigno.

O pré-olímpico mundial, em Atenas, será a última chance de classificação da seleção brasileira para os Jogos de Pequim, em agosto.

A doença de Nenê se tornou um grande mistério desde a semana passada, quando o jogador foi dispensado de suas atividades no Nuggets para tratar da doença, até então não revelada como sendo um tumor.

Nenê disputou 12 jogos na atual temporada da NBA, com médias de 6,4 pontos e rebotes por partida.