"Fico bem feliz que acabou", diz Jade sobre Jogos

domingo, 17 de agosto de 2008 12:09 BRT
 

Por Marcelo Teixeira

PEQUIM (Reuters) - A ginasta Jade Barbosa se mostrou aliviada com o fim das competições para os brasileiros na Olimpíada de Pequim, em que a equipe conseguiu classificações para finais mas não alcançou o objetivo de conquistar a primeira medalha da modalidade nos Jogos.

A ginasta resumiu bem, em uma sentença, o nível de tensão na equipe durante as competições, ao ser questionada sobre como se sentia com o final das provas.

"Nossa, fico bem feliz que acabou, porque eu já estava com o coração explodindo aqui, de nervoso, expectativa, não só minha, de todo mundo. Você sofre não só com você, mas com os outros também", afirmou.

A principal ginasta brasileira conseguiu uma inédita classificação para a final do salto, mas falhou na execução e ficou em sétimo lugar.

Além dela, também as outras duas disputas de finais neste domingo não foram bem sucedidas. Diego Hypólito caiu no último movimento no solo e ficou em sexto, mesma colocação de Daiane dos Santos, que pisou fora da linha do tablado em duas oportunidades.

Apesar da ansiedade, Jade avaliou como positiva a participação da ginástica, destacando também a primeira final por equipes.

Por sua vez, Daiane confirmou que encerrou em Pequim sua participação em Jogos Olímpicos.

"Acho que eu consegui muita coisa. Fiz parte da etapa em que a gente não tinha nada e também agora que a gente tem muita coisa, médicos, técnicos, fisioterapeutas. Fiquei muito feliz de participar de duas Olimpíadas e acho que quebramos barreiras em cada uma delas."   Continuação...

 
<p>A ginasta brasileira Jade Barbosa compete no salto no cavalo, em Pequim, doa 17 de agosto. A ginasta Jade Barbosa se mostrou aliviada com o fim das competi&ccedil;&otilde;es para os brasileiros na Olimp&iacute;ada de Pequim, em que a equipe conseguiu classifica&ccedil;&otilde;es para finais mas n&atilde;o alcan&ccedil;ou o objetivo de conquistar a primeira medalha da modalidade nos Jogos. Photo by Hannibal Hanschke</p>