CURTAS-Lesão ameaça astro chinês dos 110m com barreiras

domingo, 17 de agosto de 2008 12:46 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - O chinês atual campeão olímpico dos 110 metros com barreiras, Liu Xiang, um dos maiores ídolos do esporte no país-sede da Olimpíada, está com o tendão-de-aquiles inflamado, o que ameaça sua exibição nos Jogos de Pequim.

Liu, principal esperança de ouro do atletismo chinês, começa as eliminatórias da prova na segunda-feira. Ele sentiu a contusão durante treino no sábado, e exames depois revelaram se tratar de uma inflação no tendão, disse seu técnico, Sun Haiping.

Se Liu passar pelas três primeiras rodadas, ele provavelmente enfrentará numa emocionante disputa pelo ouro o cubano Dayron Robles, que quebrou o recorde mundial do chinês em junho.

FORA DA LUTA

Rosângela Conceição, a Zanza, primeira brasileira a participar da luta em uma Olimpíada, foi eliminada da competição no domingo.

Zanza, que competiu na modalidade livre, categoria até 72kg, iniciou a disputa com vitória, 7 a 3 sobre Olga Zhanibekova, do Cazaquistão. Mas, na sequência, a brasileira perdeu nas quartas-de-final da japonesa Kyoko Hamagushi por 2 a 0. Como a japonesa foi derrotada depois, Zanza perdeu a chance de ir para a repescagem.

RECORDISTA EM DÚVIDA

O australiano Grant Hackett ainda não decidiu se irá continuar competindo depois de falhar na tentativa de se tornar o primeiro nadador a ganhar a mesma prova em três Olimpíadas seguidas. Ele chegou perto do objetivo, mas foi segundo nos 1.500m livre, atrás do tunisiano Oussama Mellouli.

Aos 28 anos, Hackett foi ouro em Sydney-2000 e Atenas-2004. Agora vai pensar sobre Londres-2012, e sua decisão não precisa ser já, como disse. "Estou um pouco mais velho. Vou esperar e ver, depois de uma parada, o que vou fazer."   Continuação...