FUTEBOL-Peru diz que tudo pode acontecer em jogo contra Brasil

sábado, 17 de novembro de 2007 15:09 BRST
 

LIMA (Reuters) - Ainda que a realidade e os números digam o contrário, a seleção peruana de futebol irá para o gramado no domingo com a ilusão de enfrentar de igual para igual o Brasil, que é talvez a melhor equipe do mundo. Mas em uma partida em que os peruanos entendem que "muitas coisas podem acontecer", uma vitória não está descartada.

O Peru chegará ao encontro, válido pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2010, com apenas um ponto e com a obrigação de somar aqueles que desperdiçou em um empate sem gols em casa com o Paraguai, e uma derrota fora de casa por 2 x 0 para o Chile.

No entanto, o técnico José del Solar não se apequena frente o grande favorito e acredita que esta partida pode ser a exceção que define toda regra.

"A equipe está com um entusiasmo muito grande e sinceramente considero que em uma única partida jogada em Lima podem acontecer muitas coisas. Na melhor das hipóteses, se jogarmos 10 partidas com o Brasil, eles terminam ganhando oito, mas em uma única partida podem acontecer muitas coisas", disse Solar a jornalistas há alguns dias.

A partida será disputada às 19h10 (horário de Brasília), no estádio Monumental de Lima, que certamente estará lotado. Quase todos os 50 mil ingressos colocados à venda foram comprados.

"A vontade de um jogador de futebol de enfrentar a melhor seleção do mundo é muito grande", afirmou Del Solar.

Mas alguns dos jogadores preferiram defender possibilidades mais concretas de conseguir uma vitória sobre o Brasil, o que para boa parte da cética torcida peruana seria quase um feito heróico.

"Não aposto no empate, nós vamos ganhar. O Peru vai sair vencedor, temos que buscar a vitória jogando bonito ou feio, mas temos que ganhar", disse o atacante do Chelsea Cláudio Pizarro, a jornalistas.

DEFESA E ATAQUE   Continuação...