Pilotos da McLaren esbanjam sorrisos antes da decisão do título

quinta-feira, 18 de outubro de 2007 15:40 BRST
 

Por Alan Baldwin

SÃO PAULO (Reuters) - Os companheiros de McLaren Lewis Hamilton e Fernando Alonso trocaram as rixas pela amizade nesta quinta-feira, em uma embaraçosa demonstração de camaradagem antes da luta entre eles em São Paulo pelo título da temporada da Fórmula 1.

As rusgas entre o estreante britânico de 22 anos e o bicampeão mundial dominaram as manchetes desta temporada. Os dois chegaram a ficar sem se falar após o Grande Prêmio da Turquia, em agosto, quando Alonso foi punido com a perda da pole position por atrapalhar Hamilton em sua volta de classificação.

O britânico, que lidera o Mundial com quatro pontos de vantagem para o espanhol, acabou vencendo a prova.

Desde então Alonso tem acusado a McLaren de favorecer Hamilton, que tem relacionamento com a equipe há mais de uma década.

Mas nesta quinta-feira, parecendo tranquilos e sorrindo lado a lado em entrevista coletiva no circuito de Interlagos antes da corrida de domingo, até podia se pensar que a tensão dos últimos meses era apenas imaginação.

"Acho que está bom como sempre", disse Hamilton sobre o relacionamento com Alonso. "Acho que ficamos tranquilos o ano todo, apesar do que a imprensa disse. Temos apenas que fazer o nosso trabalho."

Alonso, que trocou a Renault pela equipe no fim da temporada passada mas que tem futuro incerto na McLaren apesar de ter contrato por mais um ano, concordou.

"As pessoas disseram muitas coisas, muitas coisas sobre nós, mas elas não eram verdade. Nunca tivemos problema um com o outro", disse ele.

"Claro que estamos brigando na pista, mas do lado de fora temos uma relação muito boa desde o primeiro dia, e continua da mesma maneira", acrescentou.

As suspeitas de favorecimento da McLaren levaram a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) a destacar fiscais para acompanhar tudo o que acontecerá no boxe da McLaren em Interlagos.

 
<p>Pilotos da McLaren Lewis Hamilton e Fernando Alonso sorriem durante entrevista coletiva em S&atilde;o Paulo, nesta quinta-feira, obsverados pela dupla da Ferrari Kimi Raikkonen e Felipe Massa. Photo by Rickey Rogers</p>