Chinesa He Kexin supera Liukin e leva o título das barras

segunda-feira, 18 de agosto de 2008 10:51 BRT
 

Por Pritha Sarkar

PEQUIM (Reuters) - A ginasta chinesa He Kexin derrotou a rival dos Estados Unidos Nastia Liukin nos critérios de desempate e conquistou, de forma dramática, a medalha de ouro das barras assimétricas nos Jogos de Pequim, nesta segunda-feira.

Na mais aguardada decisão por aparelho da Olimpíada, as duas favoritas receberam a nota idêntica de 16.725 por suas apresentações incríveis desafiando a gravidade nas duas barras.

Após uma complicada análise das médias relativas aos pontos dos movimentos, He festejou a vitória com muita alegria, deixando Liukin e a equipe norte-americana desnorteadas.

"Honestamente eu fiquei chocada. Quando eu vi que nós recebemos a mesma nota e que meu nome estava em segundo, foi estranho", disse a norte-americana, campeã do individual geral da Olimpíada de Pequim, que tinha a mesma nota de partida de He para o aparelho, 7,7.

"Infelizmente isso é algo que eu não posso controlar. Depende apenas dos juízes. Acho que eles gostaram mais da rotina dela, o que para mim está bem. Eu fiz o que pude."

He, de 16 anos, pareceu não se incomodar com a confusão. Perguntada se conhecia as regras de desempate, ela respondeu: "Não, eu não sabia."

A também chinesa Yang Yilin conquistou o bronze, com 16.650.

Outro ginasta do país, Yibing Chen, conquistou o ouro na final das argolas, numa dobradinha do país com Wei Yang em segundo lugar. O bronze foi para o ucraniano Oleksandr Vorobiov.   Continuação...