Michael Phelps tenta se adaptar à vida de celebridade

segunda-feira, 18 de agosto de 2008 23:15 BRT
 

Por Juliana Linden

PEQUIM (Reuters) - Michael Phelps se movimenta como um golfinho nas águas, mas, quando volta à terra firme, ele pode ser uma presa fácil.

Ao estabelecer uma conquista sem precedentes, ganhando oito medalhas de ouro em Pequim, Phelps se tornou, instantaneamente, um dos mais conhecidos esportistas do mundo e sua vida nunca mais voltará a ser a mesma.

O americano estava perto da exaustão apor nadar 17 provas em nove dias, em Pequim, mas vai precisar de ainda mais perseverança para vencer as próximas semanas.

Ele já tem sido inundado com telefonemas, mensagens, entrevistas e compromissos de patrocinadores.

Ele recebeu uma ligação do presidente norte-americano George W. Bush, que lhe pediu que desse um abraço na mãe, e recebeu entre 4.000 e 5.000 mensagens em seu Blackberry.

O nadador de 23 anos conseguiu comemorar o sucesso com um calmo jantar com sua mãe e irmã.

Phelps pediu um cheeseburger e não tomou uma única gota de champagne ou qualquer outra bebida alcoólica. "Isso é tudo que eu queria fazer, estar com minha mãe e minha irmã e ver alguns amigos que vieram até aqui para torcer por mim", disse Phelps.

"Só quero relaxar e me divertir, ficar sentado e não fazer nada."   Continuação...

 
<p>O nadador Michael Phelps posa, com exclusividade, para a capa da edi&ccedil;&atilde;o de agosto da revista Sports Illustrated com suas oito medalhas de ouro, a maior cole&ccedil;&atilde;o jamais conquistada por um atleta em uma &uacute;nica edi&ccedil;&atilde;o dos Jogos. Photo by Reuters (Handout)</p>