Seleção argentina se concentra em hotel para enfrentar o Brasil

terça-feira, 19 de agosto de 2008 04:35 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A seleção argentina de futebol abandonou a Vila Olímpica e se mudou para um hotel para evitar o assédio de outros esportistas e para se concentrar para a semifinal desta terça-feira contra o Brasil, disse uma fonte da delegação.

A equipe argentina tinha se hospedado na Vila Olímpica, onde se alojam quase todos os esportistas que competem nos Jogos.

Mas era constantemente perseguida por outros atletas em busca de fotos e autógrafos, sobretudo a estrela maior da equipe, o atacante do Barcelona Leonel Messi.

"Para garantir maior tranquilidade aos jogadores, decidimos nos mudar da Vila Olímpica", disse à Reuters uma fonte da delegação argentina.

"Na Vila se criava um problema de assédio aos jogadores em busca de autógrafos e fotos. Tínhamos dez quadras desde a residência até o refeitório e o caminho era muito complicado por sermos interrompidos constantemente", completou a fonte.

Dias atrás, os jogadores argentinos haviam dito que desfrutavam da hospedagem na Vila, onde convivem 10.500 atletas, e que até tiraram fotos com o astro americano do basquete Kobe Bryant.

"Eles gostaram muito da Vila, tudo muito lindo, mas agora é preciso pensar no resultado. Concordaram em estar em um hotel, o conforto é outro e a comida é a que exige o médico", disse a fonte.

(Por Pablo Garibian)