Russa vence maratona aquática; brasileiras ficam em 5o e 7o

quarta-feira, 20 de agosto de 2008 01:34 BRT
 

Por Martin Petty

PEQUIM (Reuters) - A russa Larisa Ilchenko nadou nos calcanhares das duas líderes por quase duas horas, até que finalmente deu uma arrancada no final para garantir a medalha de ouro na maratona aquática de 10 quilômetros, quarta-feira, na estréia da prova em Jogos Olímpicos.

Ilchenko conseguiu superar as líderes, a britânicas Cassie Patten e Keri-Anne Payne, faltando 100 metros para o fim, fechando a prova em primeiro, com 1h59min27, se tornando a primeira medalhista olímpica de ouro da prova.

A tricampeã mundial fez uma corrida tática, nadando no calcanhar das duas britânicas até avançar no final, quando a linha de chegada já estava à vista.

Payne terminou em segundo, com 1h59min29, e Patten levou o bronze com 1h59min31.

As brasileiras Ana Cunha e Poliana Okimoto terminaram respectivamente em 5o e 7o lugares, com 1h59min36 e 1h59min37.

"Estou muito feliz. Foi uma prova realmente muito difícil", disse Ilchenko a repórteres. "As duas britânicas estavam muito fortes".

Payne ficou satisfeita com a prata e afirmou que esperava a tática de Ilchenko.

"É o que ela faz, todos têm suas próprias táticas, não me incomoda", disse Payne.

"Foi difícil, mas foi uma boa prova para mim. Esperávamos que estivéssemos na frente o suficiente para impedir que ela alcançasse, mas ela conseguiu".

A nadadora sul-africana Natalie du Toit, que teve uma perna amputada, terminou em 16o.

 
<p>Larisa Ilchenko, da R&uacute;ssia, comemora a vit&oacute;ria na maratona aqu&aacute;tica de 10 km. Photo by Darren Whiteside</p>