Seleção argentina não poderia jogar pior, diz Maradona

sábado, 20 de setembro de 2008 13:55 BRT
 

CANCÚN, México (Reuters) - O ex-jogador de futebol Diego Armando Maradona declarou que a seleção argentina de futebol está jogando muito mal, apesar da equipe estar na terceira posição na Eliminatória Sul-Americana para a Copa do Mundo da África do Sul, em 2010.

Maradona, que está no balneário de Cancún, no Caribe mexicano, para jogar duas partidas de showbol com ex-jogadores argentinos e mexicanos, disse ainda que a seleção alviceleste poderia melhorar seu jogo.

"A seleção da Argentina não está jogando bem, não poderia jogar pior do que está agora, sem dúvida há tempo para acertar o caminho e melhorar o jogo", disse Maradona, campeão mundial em 1986.

Depois de oito partidas disputadas, a Argentina está na terceira posição na eliminatória, com 13 pontos, atrás de Paraguai e Brasil, que somam 17 e 13 pontos, respectivamente. Os próximos compromissos dos argentinos serão em 11 de outubro, quando recebem o Uruguai, e quatro dias depois, quando jogam fora de casa contra o Chile.

Ainda que não esteja feliz com o rendimento da seleção de seu país, Maradona manifestou seu apoio ao técnico do time, Alfio "Coco" Basile, e confia que a equipe azul e branca retomará o melhor caminho rumo à África do Sul.

"Sempre me disseram que tenho essa porta aberta, mas no entanto, nunca encontrei a fechadura para passar", comentou Maradona sobre a possibilidade de dirigir a seleção da Argentina.

"El Pibe de Oro" disse ainda que está disposto a comandar a seleção no momento em que façam um pedido concreto.