Nadal acredita que tênis está livre de resultados arranjados

quarta-feira, 21 de novembro de 2007 14:54 BRST
 

Por Nazvi Careem

KUALA LUMPUR (Reuters) - O tenista número dois do mundo, Rafael Nadal, juntou-se a Roger Federer e minimizou nesta quarta-feira as suspeitas de manipulação de resultados na modalidade, afirmando que o tênis está 100 por cento limpo.

O tênis masculino viveu uma série de denúncias sobre jogos arranjados nos últimos meses, quando vários jogadores contaram ter recebido ofertas de dinheiro para entregar partidas. Todos os tenistas disseram ter recusado as propostas.

Quando perguntado se considerava que a questão tinha tomado proporções exageradas, Nadal disse à Reuters: "Concordo totalmente. Tenho certeza que está tudo 100 por cento limpo."

A posição do espanhol repete o ponto de vista do número um do mundo, Federer, que disse após conquistar a Masters Cup, no domingo: "Esse é um grande esporte. É um esporte limpo e espero que no futuro continue assim."

Partidas do circuito masculino estiveram sob investigação desde agosto, quanto um jogo entre o russo número quatro do mundo, Nikolay Davydenko, e o argentino Martin Vassallo Argeullo foi considerado suspeito por uma casa de apostas britânica devido ao grande volume de apostas.

Davydenko, que abandonou a partida machucado, negou qualquer comportamento incorreto.

Na semana passada, a ATP suspendeu por nove meses e multou em 60.000 dólares o italiano Alessio Di Mauro, número 124 do mundo, porque ele havia feito apostas em jogos de tênis, apesar de não ter tentado interferir no resultado de qualquer partida.