Pelé poupa Dunga e diz que Argentina estava bem preparada

quinta-feira, 21 de agosto de 2008 06:24 BRT
 

Por Marcelo Teixeira

PEQUIM (Reuters) - Pelé preferiu não aumentar a pressão pela demissão do técnico Dunga após a derrota para a Argentina na semifinal da Olimpíada de Pequim, que privou o Brasil de disputar o ouro olímpico, único título que falta à seleção brasileira.

O tricampeão mundial, que foi apresentado pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB) como embaixador da candidatura do Rio de Janeiro para sediar os Jogos de 2016, nesta quinta-feira, criticou, no entanto, a preparação da equipe, afirmando que a dos argentinos foi melhor.

"Quando se perde sempre se procura um bode expiatório. O Dunga jogou várias partidas contra a Argentina e ganhou todas, se não me engano. Mas isso já esqueceram", disse Pelé a jornalistas na Casa Brasil, montada pelo COB em Pequim.

Como treinador, Dunga venceu a Argentina por 3 x 0 em amistoso na Europa, em 2006, e teve como ponto alto de sua carreira até o momento na seleção a final da Copa América de 2007, também vencida por 3 x 0. Houve ainda um empate sem gols em Belo Horizonte, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2010, quando Lionel Messi saiu de campo aplaudido pela torcida brasileira.

"A seleção jogou contra uma equipe melhor e perdeu", resumiu Pelé. "A Argentina estava muito bem preparada, pegaram um tripé de jogadores experientes. Enquanto nós não tínhamos certeza nem de quem ia jogar, se o Pato ia entrar ou não".

Pelé também poupou Ronaldinho Gaúcho, capitão da equipe e que buscava uma espécie de redenção na Olimpíada depois da fraca exibição na Copa da Alemanha e do período de ostracismo no Barcelona.

"Ronaldinho Gaúcho é só mais um dos jogadores. Quem perdeu foi a equipe", afirmou Pelé, que não forneceu detalhes do contrato com o COB e disse que vai tentar conciliar a função de embaixador da candidatura do Rio com sua agenda.

Pelé nunca participou de uma Olimpíada. Na época em que atuava, somente jogadores amadores podiam participar do torneio olímpico de futebol e ele já possuía contrato como profissional com o Santos desde os 16 anos de idade.   Continuação...