Real Madrid pede liberação de Robinho de Olimpíada por lesão

segunda-feira, 21 de julho de 2008 14:46 BRT
 

MADRI (Reuters) - O Real Madrid pediu ao Brasil a liberação do atacante Robinho da seleção olímpica, depois que exames médicos de pré-temporada revelaram que o jogador está com uma lesão no púbis, informou o clube espanhol nesta segunda-feira.

"O Real Madrid explicou à Confederação Brasileira de Futebol (CBF), via fax, a lesão de Robinho, pedindo ainda sua não convocação para os Jogos Olímpicos", disse o Real em um comunicado divulgado em sua página na Internet (www.realmadrid.com).

"O clube, de acordo com seus serviços médicos, entende que o melhor para o jogador é realizar a pré-temporada com a equipe, onde fará uma reabilitação de acordo com sua lesão e onde será supervisionado constantemente pelos médicos da equipe", acrescentou.

A CBF ainda não se manifestou sobre o assunto. Robinho, de 24 anos, foi convocado pelo técnico Dunga para disputar os Jogos de Pequim, em agosto. Os outros dois atletas acima do limite de 23 anos chamados pelo treinador são Ronaldinho Gaúcho, recém-contratado pelo Milan, e Thiago Silva, do Fluminense.

Robinho afirmou estar decepcionado por perder a competição.

"Lamentavelmente, não vou poder ir aos Jogos Olímpicos com o Brasil, mas esta é a decisão do Real Madri e eu a respeito", afirmou Robinho à imprensa, antes de viajar para a pré-temporada na Áustria.

O atacante, que segundo a imprensa local poderia se transferir para o Chelsea, se mostrou contente por ler informações em jornais espanhóis de que o Real poderia renovar seu contrato, que termina em 2010.

"Quero ficar no Real Madrid por muito tempo. Estou contente e quero seguir aqui", manifestou.

(Reportagem de Simon Baskett)