Barrichello escolhe celebrar recorde de provas na F1 na Turquia

segunda-feira, 21 de abril de 2008 11:12 BRT
 

Por Alan Baldwin

LONDRES (Reuters) - O piloto brasileiro Rubens Barrichello vai comemorar seu recorde de 257 grandes prêmios na Fórmula 1 na Turquia no mês que vem, apesar das divergências sobre quantas corridas ele iniciou.

"Em vista da falta de consenso sobre qual corrida específica marca o 257o grande prêmio de Rubens, ele vai comemorar o recorde... no Grande Prêmio da Turquia, em 11 de maio", disse a Honda, equipe do brasileiro, em um comunicado divulgado nesta segunda-feira.

Barrichello, 35, estreou na categoria na equipe Jordan, no GP da África do Sul, em 1993, e está em sua 16a temporada.

De acordo com suas contas, o piloto vai igualar o recorde do italiano Riccardo Patrese de 256 largadas --estabelecido entre 1977 e 1993-- no domingo, no GP da Espanha.

No entanto, o Grand Prix Guide, um anuário compilado pelo estatístico Jacques Deschenaux, coloca a conta de Barrichello em 250 corridas no início da temporada 2008 --um número que tornaria a corrida em Istambul a sua 255a.

Essa contabilidade não inclui o trágico GP de San Marino de 1994, manchado pelas mortes de Ayrton Senna e do austríaco Roland Ratzenberger. Barrichello não participou da prova por conta de um grave acidente na sexta-feira.

Os GPs da Espanha e da França em 2002, para os quais o brasileiro se classificou mas não competiu depois de problemas antes da volta de abertura, também não foram incluídos no guia.

O guia, no entanto, lista o GP da Bélgica de 1998, que foi reiniciado sem o ex-piloto da Ferrari depois de ele se envolver em um acidente na primeira volta.

O brasileiro, que venceu nove corridas com a Ferrari e tem 61 pódios na carreira, não marca pontos desde o Grande Prêmio do Brasil de 2006. Seu contrato com a Honda termina no final desta temporada.