Mansell rejeita comparações entre Hamilton e Tiger Woods

sexta-feira, 21 de março de 2008 13:42 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O ex-campeão mundial de Fórmula 1 Nigel Mansell apontou seu compatriota britânico Lewis Hamilton como o homem a ser batido na categoria, ao mesmo tempo em que rejeitou as comparações entre o piloto de 23 anos da McLaren e o golfista Tiger Woods.

"Não acho mesmo que ele seja como Tiger Woods", disse o campeão mundial de 1992, que também é um aficcionado pelo golfe, à edição de sexta-feira do Daily Telegraph.

"Tiger Woods é o esportista individual mais incrível, assim como Roger Federer. No automobilismo, você pode colocar talvez cinco ou seis pilotos diferentes no melhor carro e eles ganhariam o campeonato."

Hamilton, o primeiro negro a pilotar na Fórmula 1, tem sido comparado a Woods pelo papel de abrir a categoria para uma maior audiência.

Ele perdeu o título do ano passado por um ponto, mas começou esta temporada, sua segunda na categoria, com uma convincente vitória na Austrália no fim de semana passado.

"Lewis é o homem a ser batido", disse Mansell, que venceu o mundial de 1992 após vencer a corrida de abertura na África do Sul --corrida na qual, assim como na Austrália, nenhuma das duas Ferraris conseguiu completar.

"Acho que, quando você consegue vencer a primeira corrida do ano, isso influencia toda a temporada, o impulso que cria na equipe é incrível", disse o ex-piloto.

"Por que ele (Hamilton) não deveria estar confiante? Não há dúvida que a vitória na Austrália foi fantástica. O mais incrível é a velocidade do carro da McLaren."

(Reportagem de Alan Baldwin)

 
<p>O ex-campe&atilde;o mundial de F&oacute;rmula 1 Nigel Mansell apontou seu compatriota brit&acirc;nico Lewis Hamilton como o homem a ser batido na categoria, ao mesmo tempo em que rejeitou as compara&ccedil;&otilde;es entre o piloto de 23 anos da McLaren e o golfista Tiger Woods. Photo by Stringer</p>