CURTAS-Maurren Maggi levará bandeira ao encerramento dos Jogos

sexta-feira, 22 de agosto de 2008 14:54 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - Maurren Maggi, primeira brasileira campeã olímpica num esporte individual, foi escolhida pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), nesta sexta-feira, como porta-bandeira da delegação na cerimônia de encerramento dos Jogos de Pequim, que acontece no domingo.

"É uma forma de homenagear a primeira mulher a conquistar uma medalha de ouro individual nos Jogos Olímpicos e também de simbolizar o reconhecimento do COB à performance das nossas atletas em Pequim", disse o presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman, para justificar a escolha da campeã do salto em distância.

100 POR CENTO?

A medalha de bronze conquistada pela seleção masculina foi comemorada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Sem referir-se à derrota por 3 x 0 para a Argentina na semifinal, a CBF estampou em seu site oficial a manchete "Futebol brasileiro conquista 100% de medalhas", após a vitória da equipe na disputa pelo 3o lugar com a Bélgica. No feminino, o Brasil foi derrotado pelos EUA na segunda final olímpica seguida e ficou com a prata.

18o NO PENTATLO

Campeã dos Jogos Pan-Americanos do Rio, a brasileira Yane Marques ficou na 18a colocação na prova do pentatlo dos Jogos de Pequim. A alemã Lena Schoneborn levou o ouro, a britânica Heather Fell ficou com a medalha de prata, e o bronze foi para a ucraniana Victoria Tereshuk.

A brasileira ocupava a sexta posição no geral após as três primeiras provas do dia: tiro, esgrima e natação. Mas com o 33o lugar no hipismo, caiu para a 15a posição e largou na corrida, prova decisiva, 1min22s atrás da líder.

Para Yane, seu resultado final não foi melhor devido ao sorteio dos cavalos. "Quando sorteou o cavalo, a gente foi falar com os nativos. Aí eles disseram que esse cavalo tem que ter muita vontade para saltar. É um cavalo muito difícil. Salta e abaixa a cabeça", disse.

41o NA MARCHA   Continuação...