Toyota diz que Glock está pronto para pilotar depois de acidente

terça-feira, 22 de julho de 2008 15:24 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O piloto Timo Glock vai testar na quinta-feira com a Toyota, na Espanha, depois de ter sido liberado pelos médicos após ter sofrido um acidente no Grande Prêmio da Alemanha, no domingo, informou a equipe de Fórmula 1.

O alemão de 26 anos, que vai se reunir com a equipe em Jerez, passou a noite de domingo em um hospital em Ludwigshafen para exames preventivos, voltando para casa na segunda-feira para mais exames médicos.

"Os testes confirmaram que Timo não sofreu lesões e contusões", disse a Toyota em nota oficial, nesta terça-feira.

"Por isso, ele foi liberado para retornar aos treinos na quinta-feira antes de competir no Grande Prêmio da Hungria."

Glock disse que se sentia bem e que o acidente parecia ter sido mais grave na televisão do que na realidade.

"Foi um impacto muito forte e minhas costas doeram imediatamente depois que saí dos carro, mas agora está tudo bem", disse.

"Fisicamente me sinto absolutamente bem, estou ansioso para voltar para o carro na quinta-feira".

A Toyota disse que uma investigação sobre o acidente, que obrigou a entrada do safety car no circuito de Hockenheim, constatou que a causa do acidente aconteceu na roda dianteira direita.

A equipe afirmou que não houve circunstâncias excepcionais antes do acidente, e que o fato de Glock ter aberto a curva não influenciou na ocorrência do acidente.

(Reportagem de Alan Baldwin)

 
<p>Toyota diz que Glock est&aacute; pronto para pilotar depois de acidente. O piloto Timo Glock &eacute; retirado de seu carro depois de acidente n GP da Alemanha. Glock vai testar  com a Toyota, na Espanha, depois de ter sido liberado pelos m&eacute;dicos ap&oacute;s ter sofrido um acidente no Grande Pr&ecirc;mio da Alemanha, no domingo, informou a equipe de F&oacute;rmula 1. 20 de julho. Photo by Pool</p>