Brasil vence Bélgica e fica com o bronze no futebol masculino

sexta-feira, 22 de agosto de 2008 10:20 BRT
 

XANGAI (Reuters) - A medalha de bronze foi o prêmio de consolação para a seleção brasileira no futebol masculino da Olimpíada de Pequim, após a vitória por 3 x 0 sobre a Bélgica, nesta sexta-feira, na decisão do 3o lugar, em Xangai.

Os brasileiros agora aguardam a final entre Argentina e Nigéria, no sábado, para subir no degrau mais baixo do pódio, ao contrário do que fez na última vez que conquistou uma medalha olímpica, nos Jogos de Atlanta-1996, quando faltou à cerimônia de premiação.

Apesar de ter repetido a mesma postura conservadora apresentada na derrota por 3 x 0 para os argentinos na semifinal em Pequim, com apenas um atacante, o Brasil conseguiu marcar dois gols em jogadas pelos flancos para conquistar sua quarta medalha olímpica, após as pratas em 1984 e 1988 e o bronze de 1996.

Os gols brasileiros foram marcados por Diego e duas vezes Jô, este último titular na vaga de Rafael Sóbis, que sofreu uma contusão no cotovelo na semifinal.

Os jogadores viajam para Pequim na manhã de sábado (horário da China) para a entrega das medalhas no estádio Ninho de Pássaro, depois da decisão do ouro, de acordo com a programação divulgada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Em Atlanta-1996, o time então treinado por Zagallo recebeu suas medalhas de bronze ainda no gramado depois da disputa do bronze contra Portugal e não esteve no pódio.

O último jogo da seleção na Olimpíada de Pequim foi justamente contra o mesmo adversário da estréia. Em seu primeiro jogo, a equipe do técnico Dunga passou apertado por 1 x 0, só conseguindo abrir o marcador depois que a Bélgica teve um jogador expulso no segundo tempo.

A derrota para a Argentina na semifinal não pareceu abater a equipe para a disputa do bronze. Mas o time também não mudou seu estilo de jogo, insistindo nos passes laterais entre os defensores e dependendo de arrancadas individuais para atacar.

Numa escapada pela direita, o lateral Rafinha foi até o fundo e deu passe atrás para Diego, que conseguiu antecipar-se a dois marcadores e tocou no cantinho, sem chances de defesa para o goleiro Logan Bailly.   Continuação...

 
<p>Diego da Sele&ccedil;&atilde;o Brasileira comemora ap&oacute;s marcar gol durante partida contra B&eacute;lgica no est&aacute;dio de Xangai. A medalha de bronze foi o pr&ecirc;mio de consola&ccedil;&atilde;o para a sele&ccedil;&atilde;o brasileira no futebol masculino ap&oacute;s a vit&oacute;ria por 3 x 0 sobre a B&eacute;lgica. Photo by Aly Song</p>